BLOG DO PORTAL ESCUDO
Como eu posso capacitar SST por webconference?

Como eu posso capacitar SST por webconference?

Sem sombra de dúvida a webconference foi a grande febre de 2020. E não era para menos, uma vez que a pandemia nos fez buscar por alternativas seguras para reuniões e encontros. No entanto, o aumento expressivo na busca por capacitar SST online fez com que as conferências virtuais também se tornassem uma opção. Assim, algumas empresas passaram a oferecer treinamentos normativos através de ferramentas como Google Meets e Microsoft Teams.

Leia mais: 
📌 Por que usar SCORM no seu treinamento EaD de SST?
📌 Treinamentos de prateleira ou próprios: qual o melhor investimento para prestadores de serviços SST?
📌 Acidentes de trabalho: como a tecnologia ajuda na prevenção
📌 Treinamentos Obrigatórios e Gamificação: o que você está perdendo?
📌 Desmitificando o SST online: qual o melhor modelo de treinamento para a área?
📌 Blended Learning: o que é e 5 vantagens de usá-lo na área de SST

Isso acontece quando os responsáveis pela capacitação acreditam que tudo que é necessário para oferecer SST por EaD é repassar o mesmo conteúdo do curso presencial através de webconference. Mas será que é mesmo?

Nesse caso, as perguntas que precisam ser feitas são: essa maneira de capacitar SST é legal? O que a legislação diz sobre isso e como garantir a segurança jurídica de seus clientes, em caso de fiscalização, quando os treinamentos obrigatórios foram executados por webconference? Então segue com a gente que vamos tirar todas essas dúvidas neste artigo. 👇

Posso usar webconference para capacitar SST?

A ideia parece ótima, certo? Você coloca o instrutor de um lado, os alunos do outro, e divide o treinamento em encontros – sejam eles diários ou semanais. Exatamente como faria com um curso presencial.

O único problema é que, de acordo com a NR 1, treinamentos EaD precisam seguir certas diretrizes. Muitas das quais a webconference não consegue atender por conta de seus recursos limitados. Assim, caso seu cliente use esse método para capacitar SST na empresa dele, corre sérios riscos de receber multas e até mesmo ter máquinas, setores ou toda a organização interditada pelos fiscais.

Isso porque qualquer treinamento online é considerado EaD. E a NR 1 tem diretrizes bem específicas para treinamentos obrigatórios a distância, como a utilização de um AVA/LMS e manter registro dos logs dos alunos. Então fique de olho que vamos falar mais sobre isso nos próximos tópicos.

Portanto, para responder à pergunta inicial: você pode e não pode. Ou seja, os treinamentos obrigatórios não podem ser feitos através de webconference, já que devem seguir as instruções da NR 1. No entanto, treinamentos para a área que não sejam normativos, como a capacitação na regra ISO 9001, por exemplo, podem.

Dessa forma, antes de oferecer para capacitar SST por EaD através de uma webconference, é importante saber qual o tipo de treinamento seu cliente está procurando e o que a legislação diz sobre ele.

Conheça os treinamentos normativos EaD e saiba como capacitar SST em conformidade com a legislação

Você não conhece a NR 1?

Já é possível capacitar SST por EaD desde 2018, quando foi publicada a Nota Técnica 54. O projeto desta NT, criada por uma comissão tripartite da qual o Sistema Escudo fez parte, trouxe recomendações para a regularização dos treinamentos EaD e semipresencial para os cursos normativos.

A NT 54 também serviu de base para o desenvolvimento do novo texto da NR 1, publicado em 2019, que regulamentou de vez o uso do ensino a distância para capacitar SST.

A Norma Regulamentadora 1 estabeleceu diretrizes sobre as responsabilidades de cada pessoa envolvida no projeto de capacitação por EaD – desde o empregador que precisa oferecer a capacitação até empresas terceiras que venham a oferecer esse treinamento.

Empresas que não cumprem as diretrizes estabelecidas na NR 1 na hora de treinar seus colaboradores em saúde e segurança do trabalho, ficam suscetíveis a multas e interdições, conforme avaliação dos fiscais. Além de potencialmente colocarem a saúde, segurança e vida de seus colaboradores em risco.

Atualmente existem 36 Normas Regulamentadoras e, destas, 14 exigem treinamento – dos quais 3 são obrigatórios para todos:

  • NR 1, onde a empresa mostra e explica para todos aos colaboradores os riscos existentes no ambiente de trabalho e quais as medidas de segurança para prevenir doenças e acidentes ocupacionais.
  • NR 5, sobre a Comissão Interna de Prevenção a Acidentes (CIPA) e que varia de acordo com a atividade e o número de funcionários, mas é essencial para o monitoramento e prevenção.
  • E a NR 7, que dispões sobre o Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional (PCMSO), quais os exames ocupacionais devem ser feitos e prevê a realização do treinamento de primeiros socorros.

Regras para capacitar SST por EaD

Como mencionamos no tópico anterior, as regras para treinar SST por EaD abrangem todos os envolvidos no projeto, desde o prestador de serviço SST que está oferecendo o treinamento, até a empresa que está contratando e os colaboradores efetuando o curso.

No entanto, os pontos de atenção que você, como prestador de serviços SST, precisa ter para oferecer treinamentos em saúde e segurança do trabalho EaD em conformidade com a legislação são:

  • Promover interação entre os objetos de aprendizagem e os alunos;
  • Descrever as atividades práticas no projeto pedagógico (existem NRs que exigem treinamento prático presencial, portanto alguns cursos só podem ser feitos de forma semipresencial);
  • Manter um canal tira-dúvidas entre o aluno e o instrutor, que deve ficar aberto durante toda a realização do curso;
  • Revisar o projeto pedagógico a cada 2 anos (ou mediante alterações nas NRs);
  • Realizar a verificação da aprendizagem (de avaliações);
  • Determinar conceito de Satisfatório e Insatisfatório para essas avaliações;
  • Contemplar situações práticas, conforme o dia a dia do trabalhador, nas avaliações;
  • Registrar a realização do treinamento e dos resultados das avaliações;
  • Manter registro de logs dos alunos por até 2 (dois) anos;
  • Oferecer o treinamento através de um AVA/LMS;
  • Entregar um AVA/LMS apropriado à gestão, transmissão do conhecimento e à aprendizagem do conteúdo.

Para se aprofundar mais nas regras para capacitar SST, você também pode acessar o nosso Hyperbook Guia Completo para Treinamentos Normativos.

Comece a capacitar SST EaD de acordo com a legislação!

Agora você já sabe, né: não corra riscos ao capacitar SST com treinamentos por webconference que não atendem a legislação e ainda podem custar caro para você e o seu cliente.

Além disso, você não quer perder a confiança do seu cliente oferecendo cursos que não atendem a legislação, né? Então, que tal investir em uma plataforma LMS segura, completa e de qualidade para oferecer treinamentos em SST por EaD?

O Sistema Escudo é a plataforma mais completa do mercado e a primeira a oferecer treinamentos SST EaD 100% em conformidade com a legislação. Nossa plataforma otimiza as rotinas diárias dos nossos parceiros e entrega mais de 55 cursos de prateleira, prontos para capacitação. Clique no banner abaixo e agende uma demonstração com o nosso especialista.

Agende uma demonstração e descubra como capacitar SST online com o nosso LMS

Deixe uma resposta

Fechar Menu